10 de set de 2010

Festa mexicana!



Tardes assim, já as respirei acaso?

Cabelos soltos, úmidos do banho:

Cheiro de granja, frescor de garganta

Primavera toda ela flor e água.


Alfonso Reyes

(Poeta mexicano)



Os laranjas profundos, o fucsia surpreendente e os tons de bronze
assim como muitas outras cores vibrantes transformaram-se nessa explosão de alegria.
É o colorido vívido e festivo deste povo que faz a decoração mexicana ser o que é.








Nenhum comentário:

Postar um comentário